Avançar para o conteúdo principal

Não é apenas um corte de cabelo!

O propósito desta sessão foi aperfeiçoar a beleza de um rosto, com um corte que o deixe a descoberto, para mostrar na sua plenitude os seu traços únicos que lhe dão uma beleza singular, porque mulher que não esconde o rosto, que não teme perder a sua feminilidade por causa de um corte de cabelo, tem atitude, personalidade, carisma!
Tenho sempre a ambição de fotografar quem tenha estas características (atitude, personalidade, carisma) que nos tornam inesquecíveis, aliando a estes factores, o registo memorável da destreza, da categoria de um profissional (cabeleireiro), da entrega aos nossos pensamentos, da ansiedade, do receio, do som ruidoso e temeroso da tesoura, que mexe com muitas mulheres que o sintam como se estivessem no lugar da modelo, porque a fotografia pode e deve tocar-nos!
Os arrepios que cada corte provoca, acabam por ser ultrapassados pelo fortalecimento da nossa identidade, face à certeza da decisão certa que tomamos e que só perdemos, senão arriscarmos! Pois no fim, de um “temeroso” corte de cabelo, e de uma mudança, o que tem que persistir é uma forte e singular personalidade!
Esta sessão acabou por ser integrada no meu projecto de moda, Pop Girl Concept by Pedro Cardita (https://www.facebook.com/popgirlconceptporpedrocardita/)
por ser o reflexo da atitude e irreverência, que pretendo deixar patente na moda!


Photographic Film by Pedro Cardita
Fotógrafo: Pedro Cardita (Montijo, Portugal)
Modelo: Isa Viegas
Cabeleireiro: Miguel Salvação (Avenida 6)


(c) Todos os Direitos Reservados

















































Comentários

  1. Que corte lindo!!! Nunca tive coragem de cortar meu cabelo curto!
    Beijos, Aline
    http://versoaleatorio.blogspot.com.br

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Inspiração: Fotógrafa Ellen Von Unwerth

A alemã Ellen Von Unwerth é uma das fotógrafas de Moda mais originais! O seu estilo provocador, realça mulheres fortes e dominadoras!  Primeiro fez carreira como modelo e a experiência à frente das câmaras ajuda-a a passar confiança para quem fotografa, com um estilo muito próprio, a preto-e-branco ou com cores saturadas.  A feminilidade tem bastante destaque nas suas fotografias, repletas de sensualidade, fetiche e glamour!  Poses eróticas inseridas em cenários ricos em detalhes e com um toque vintage compõem as suas fotografias.








Polaroid- A Paixão pelo Retro

Adoro o estilo retro, recorrer ao passado à procura de inspiração para criar algo novo, com uma identidade muito própria e requintada. Sempre apreciei bastante a Fotografia Polaroid pelo seu lado rústico, fascina-me a imperfeição que proporciona às fotografias, que ficam com um toque único e artístico!


É também um instrumento de auto-reflexão, que preserva momentos da nossa vida e é palpável. Por isso decidi acrescentar às minhas valências a fotografia Polaroid, em dois formatos (seja em sessão normal ou artística):
Wide (rectangular)- foto exemplo


Square (quadrado)- foto exemplo


Preços sob consulta.

O Impacto de uma Mudança de Visual

Tudo começou quando vi a actriz Emma Watson (a Hermione do Harry Potter) com o seu novo e impactante pixie cut! 



Chamou-me bastante a atenção e levou-me a questionar:
Qual a importância da imagem na nossa identidade?
Se a imagem mudar, até onde se altera a nossa identidade? 
Quando a jovem actriz cortou o seu longo cabelo após as filmagens da saga Harry Potter, foi como se se estivesse a libertar de algo e a rejuvenescer!




Uma mudança de visual é sempre sinónimo de renovação, mas também de independência, elegância e personalidade!
Primeiro pus estas questões em debate numa curta-metragem que escrevi e realizei em 2011: “Nova Vaga”.



Entretanto passei para a Fotografia face ao poder que tem de preservar para a eternidade momentos únicos!
E dá-me também a possibilidade de trabalhar/lapidar com mais cuidado a imagem de alguém.
Destacar, expor na plenitude os pontos mais fortes da Mulher, passou a ser o trabalho que mais gozo me dá, porque acredito que enquanto vivemos, temos que deixar uma marca fo…